April 18, 2007

o cabelo, sempre o cabelo

Corto? Não corto?... A doutrina divide-se, o calor aperta. A facilidade contra o elástico e o gancho. A eterna indecisão sobre o técnico a escolher depois do inadvertido abandono da Cidália. O tempo que não ajuda. Está à altura da vértebra torácica 4/5 (mais coisa, menos coisa). A ideia era deixar crescer, mas este calor de Junho constrange. Começo a duvidar que sobreviva às férias...

6 comments:

margarete said...

por acaso, tenho saudades de te ver o cabelo mais longo

bom-dia

N. said...

por acaso, este teu post fez-me logo pegar no telefone e ligar para a cabeleireira (ficou reserva para a próxima terça-feira, não dava antes, disse ela, que deve ter umas quantas vagas na agenda mas acha que fica bem dizer que tem tudo ocupado).

Fernando Marçal said...

Acho que deves cortar...

João Lisboa said...

Saber de experiência feito: dez meses sem o cortar passam num instante... tens muito tempo para decidir.

Scarlata said...

Acho que nao deves cortar, de cabelo comprido és um estrondo!
:O

menina-alice said...

... :D

Já cortei... Mas cortei pouquinho. :)