August 16, 2007

parcos consolos

A minha Mãe diz que a minha voz está mais grossa desde que deixei de fumar.

Agora tenho de ir ver se encontro os meus posts sobre os benefícios de ter abandonado aquele tão deleitoso vício, porque, a bem da verdade, tirando a perspectiva de, apenas estatisticamente, estar a diminuir a probabilidade de padecer (e morrer em sofrimento) de alguma maleita relacionada com o delicioso deglutir do fumo dos meus saudosos LM, fumar será sempre melhor que não fumar.

Acresce ainda que não há maneira de me abandonar esta sensação de estar a embarcar no maior embuste de todos os tempos e que consiste em por-nos a todos a fazer a mesma coisa ao mesmo tempo e, pior que tudo isso, com salários diferentes.

4 comments:

menina limão said...

méne!

a quantidade de novos posts que eu tive de ler!

:D

já estou teiactualizada.

(já te elogiei o sentido de humor? não?! sacrilégio meu)

menina-alice said...

Ah, mas eu também ando toda atrasada. E no teu também...

E este post não era para rir! :D Eu sou uma blogger que sofre!

pennac said...

Ó Licinha: e se a menina se deixasse de sofismas tipo "sem ser...blábláblá...fumar será sempre melhor que não fumar" e de misturar as coisas. Fumar faz mal pa caraças, ponto. E a maioria dos fumadores e não fumadores sabe disso. Esqueça o assunto e pare com as lamechices. :)

P.S. Também quero uma LOMO Fisheye

menina-alice said...

Vê lá se queres que te responda... >:>