October 25, 2007

mas arranjamos sempre um bocadinho para brincar

Em tempos, este post conteve prova do quanto um felino pode amar e ser submisso a um ser humano.




Nem que seja antes da próxima sesta ou durante os minutos em que lutamos contra os sonos.

19 comments:

saturnine said...

ah, voilà! finalmente a prova da mútua rendição, os mútos mimos... a dar turrinhas, tão lindas. :')

João Lisboa said...

Ok. Daqui em diante, digas o que disseres, há prova documental: estás no papo. Dela. Definitiva e irremediavelmente.

Welcome to the club!

menina limão said...

olha a trunfa da alicina! :D

Scarlata said...

Nao acredito nos meus olhos...VENDUTA!

menina-alice said...

É ela, não percebem? Se ela me ama e até tem alguma educação e contenção a demonstrar os sentimentos (que hão-de ser intensos - amar-me não é coisa que se faça à trouxe-mouxe), não hei-de andar a enxotá-la, não é?

Facciosos!

N. said...

é claro que a minha memória agora rodopiou valentemente... pá! que ninguém perca a esperança na espécie humana, nunca! :D :D :D

margarete said...

realmente, até onde chega uma pessoa... "a dar turrinhas"

a dar turrinhas, menin'alice!

... a dar turrinhas!




falta a imagem "análoga" no coisa ruim com a n e a... lili marlene!... lili marlene, gentes!

ai jazus, há dias... felizes!

Scarlata said...

E horas maggie,as que precedem a postagem destas pieguices.8D

menina-alice said...

Tu tem juízo que eu leio as tuas cenas sempre que se te foge a coelha!...

Turrinhas, sim, margareta. Escondidas e cócegas também. Tenho de exercitar a bicha senão fica badocha e com colestrol.

Scarlata said...

Se lesses sabias que é um CoelhO, e que nao fugiu, mas que foi mordido por um bicho da raça dessa coisa que tu acarinhas. Estou amuada, muito.

alex said...

ooh, que ternura.

foste caçada, alicinha, não há como possas negar. >:]

parabéns a d. noémia por te ter convertido. é uma tigradinha quase tão bonita como a minha.

mio said...

Está tudo dito! E a imagem não deixa margem para dúvidas >:]

Aldina Duarte said...

Irresistível! Eu sou piegas confessa no que toca a gatos! Tudo, mesmo tudo, me emociona, para bem e para mal. Abençoados!

Até sempre

N. said...

:D :D
não conseguirás apagar-me dos neurónios essa pic., que, como sabes, é tudo o que me interessa! nem que seja daqui a cinquenta anos (escrevo por extenso para parecer mais tempo) e já estiverem todos desmemoriados, eu vou levantar o indicador e dizer: vocês não se lembram da pic dela com a gata e tal e tal... ninguém vai conseguir lembrar-se, mas vão todos dizer: ah! é verdade. Ó alicinha, a menina...
(pode não dar para muito, mas vais ter que os aturar - ou, vão ter que se aturar- caquécticos por longas horas) :P
- depois de tudo dão-me um nobel -

menina limão said...

olha, olha, foi-se.

;)

alex said...

tu é que não sabes, alice, mas a minha memória é quase como a da n.

saturnine said...

felino do lado esquerdo da imagem, captado na imagem do pescoço para cima, com vestígios do movimento da turrinha com a cabeça, levemente inclinada para a direita. humana do lado direito da imagem, cabelo castanho claro com um ou outro reflexo luminoso, cuidadosamente revolto sobre o rosto, deixando entrever apenas uma pontinha de nariz a receber a turrinha e um oculinho de massa transparente ou de cor clara. i'm a mean, lean, spottin' machine. :p

menina-alice said...

Faltam aí uns 3 pormenores, spot. E o cabelo não estava cuidadosamente. Estava mesmo descuidadosamente. Há outras fotos desse momento em que está tudo um nadinha mais arrumado, mas não nessa. E era narizinho, só nariz eu fico logo insegura.

;)

A memória, com a idade, esvai-se. Eu sei que vocês querem acreditar que vai durar sempre, mas num vai.

alex said...

há momentos marcantes, que nunca se esquecem. >:]