June 10, 2008

qual raça?!



d'aqui


Excepcionados casos crónicos de patas na poça que me vão intrigar até morrer, por não serem devorados e apagados (ui!) pela (pelo menos) imagem de dignidade que todos os partidos políticos deviam tentar passar, a tolerância que me parece ser devida a alguns senhores desta guerra, por estarem permanentemente expostos aos microfones e às câmaras, terá de cessar a qualquer altura. Quando um presidente da república usa a palavra raça e não se está a referir a uma exposição canina ou a uma corrida de cavalos, devíamos ficar com os pêlos da nuca arrepiados em uníssono.


12 comments:

dolphin.s said...

porque à bom tuga, vai tudo ficar pelo "foi só um lapso, uma força de expressão".

o presidente da república, que se diz de todos os portugueses não tem direito a lapsos destes nem a ser bronco como as casas. que é o que ele é. não sabe falar, não tem vocabulário, e quando lhe metem um microfone à frente, se a coisa não vem ensaiada, o que sai é exactamente o espelho do que ele é.

gorgulho said...

dEUS é minha testemunha de que abomino o conceito de "Raça" ainda mais do que o de "Classe", mas o textículo na foto é tããoooo imbecil que envergonha...

menina alice said...

Ih!... Se o Saramago sabe que tu achas essa merda de um texto dele... Ui,ui, arrabenta logabolha!...

:P

:D

rui g said...

Uma vez, no final de um jogo de futebol, perguntaram ao Garrincha (analfabeto) o que tinha a dizer para o microfone e ele respondeu: Adeus, microfone. Uma atitude mto superior à do nosso presidente. Qdo não se tem nada p'ra dizer, o melhor é ficar calado.
P.S. menina alice: Juro que o futebol veio à baila sem segundas intenções...

menina alice said...

Claro, rui. :D Um exemplo é um exemplo é um exemplo. :D

João Lisboa said...

"o presidente da república, que se diz de todos os portugueses não tem direito a lapsos destes nem a ser bronco como as casas. que é o que ele é. não sabe falar, não tem vocabulário, e quando lhe metem um microfone à frente, se a coisa não vem ensaiada, o que sai é exactamente o espelho do que ele é"

Acontece que foi esse bronco que o bom povo elegeu. Quem se fia no bom povo...

dolphin.s said...

bery true. é o cliché do costume: cada povo tem os políticos que merece.

alex said...

Quando um presidente da república usa a palavra raça e não se está a referir a uma exposição canina ou a uma corrida de cavalos, devíamos ficar com os pêlos da nuca arrepiados em uníssono.

os meus ficaram. só não posso dizer que fiquei espantada, exactamente porque o homem é um bronco.

Acontece que foi esse bronco que o bom povo elegeu

sad, but true.

alex said...

btw, também acho que o texto do saramago está ao nível das reflexões de qualquer taxista (sem desprimor)

menina alice said...

Ora porra! :D E ele não terá o direito de ter também um taxista em si? Não temos todos?!...

Mr. Steed said...

desculpa lá...eu não tenho nenhum taxista em mim!!!!! cruzes credo!!!

não deves andar muito de taxi :)))

menina alice said...

OK, confesso que não ando. Dá-me um bocadinho de nojo andar em transportes públicos a menos que os bancos sejam de plástico. Mas, quando ando de táxi e consigo alhear-me do ADN todo que se me está a colar à roupa e às mãos, tenho momentos bastante compensadores.