June 08, 2008

William says, 43

Eu só vou ao cinema convosco para passarmos tempo de qualidade juntos.


Por ele, por ouvir e respeitar a opinião de alguns amigos (não é possível respeitar os amigos todos) e porque a curiosidade é um motor da humanidade, lá fomos, em família, ver o Indiana Jones. Podia desatar aqui a escrever barbaridades que adjectivassem o quão longas e desinteressantes foram aquelas duas horas e tanto, mas não quero magoar ninguém e tão-pouco que se pense que eu não gosto de cinema. Passo directamente ao relato de ter tido, na fila atrás da minha, duas pirralhitas de uns 12 ou 13 anos que só não me levantei para esbofetear sonoramente porque ainda me salvaguardo de contactos físicos mais próximos. Ultrapassando em muito o comum cochichar permanente, falaram a bom falar, pontapearam as costas da minha cadeira como se não houvesse amanhã e, após uma das várias vezes em que me fizeram virar para as mandar calar ou estar quietas, mandaram-me pipocas para cima.

Só quem me conhece bem sabe o mal que me faz ter de cigana em consequência. Via daí que, depois de uma meteórica estreia na Feira do Livro de Lisboa, corri para o Blockbuster e trouxe o Darjeeling Ltd. para fazer reset de sensações.

Photobucket

20 comments:

dolphin.s said...

só vou comentar a garrafa de água que teria despejado em cima das pitas.


quanto ao resto, remeto-me ao silêncio :P

João Lisboa said...

Lá está, não gostas de cinema.

O Darjeeling também é fixe.

pausa said...

Maldita gente incapaz de estar (mais ou menos) quieta no cinema. E eu num filme daqueles nunca pediria uma quietude reverencial, apenas algo que não fosse estar a gritar "ah mas o gajo afinal gosta de ti ou não" enquanto o Sr. Jones desenrolava lá a sua cena pelo grande ecrã.

(e lamento desapontar-vos mas o filme é TÃO comprido, enfim...)

pennac said...

É por essas e por outras que um gaijo acaba mais das vezes reduzido à pacatez do sofá e à pequenez das 40'' para visionar imagens.

menina alice said...

Eu sabia que a censura - mais ou menos discreta - surgiria. O filme é de facto aborrecido e eu nem tenho nada contra os clichés, desde que não os espetem pelos meus olhos dentro na expectativa de eu os papar a todos por bons.

Vou ver o Darjeeling.

dolphin.s said...

o pennac a escolher a confortable way out.....

João Lisboa said...

"mais ou menos discreta"

WTF???!!!...

Nick said...

pequenez das 40''

Fogo, caganda TV.
A minha maior tem 72cm.

Nem converto em polegadas. Tenho medo.

menina alice said...

Hummm?... Tou?... Tou?... :D

O Darjeeling sim, é fixolas. Estou apaixonada. Vou ver o making of e tudo.

menina alice said...

:D:D:D:D "A minha maior" parece "a minha mais velha"!

Deves pensar que o pennac deixa os seus gadgets por mãos alheias, deves..

pennac said...

"A minha maior tem 72cm."

Numa primeira leitura interpretei:
"A minha é maior, tem 72 cm."

Scarlata said...

Tu é que fazes o frete, mas ele é que vem contigo para passarem tempo juntos... lol Cresce bem o rapazinho! ;DDD

Scarlata said...

P.S. Eu nao aturo cromos, agora so vou ao cinena às 14.30, orario em que os grunhos estao a encher o bandulho e so se encontram amantes do cinema.

menina alice said...

Pensar que já vou muito menos ao cinema por causa destas cenas é de deixar uma gaja rebultada!

glooka said...

"após uma das várias vezes em que me fizeram virar para as mandar calar ou estar quietas, mandaram-me pipocas para cima."

lol.

dolphin.s said...

só fui subtil por ser para ti >:P

menina alice said...

Eu sei. :D >:>

menina limão said...

mandarem-te pipocas é do belo. :p

eu sonho em dar porrada a putos impunemente.

menina alice said...

Eu também, mas não dá derivado de ter um, percebes a cena ideológica?

menina limão said...

Ah, eu bato no meu irmão e se pudesse batia nos amigos dele. E só não bato nos putos em geral porque, das duas uma, ou estão em bando e é perigoso, ou estão com os pais por perto e aí lá se vai a impunidade.