July 27, 2008

post magnífico sobre gatos

He'd brought the cats on a Thursday. I kept them through Sunday. During that time I did virtually no work on my book. Instead I spent my time throwing the cats their toys or stroking them, together or in turn in my lap, or just sitting and looking at them eating, or playing, or grooming themselves, or sleeping. I kept their litter box in a corner of the kitchen and at night put them on the living room and shut my bedroom door behind me. When I awoke in the morning the first thing I did was rush to the door to see them. There they would be, just beside the door, waiting for me to open it.
On Monday morning I phoned Larry and said, "Please come and take the cats".
"You hate them".
"To the contrary. If they stay, I'll never write another word. I can't have these cats in the house with me".
"Why not? What the hell is wrong with you?"
"They're too delightful."


Philip Roth, Exit Ghost, 2007

12 comments:

alex said...

tens razão, é magnífico.

margarete said...

:D

o pior é que eles sabem que o são...

João Lisboa said...

Diminuem consideravelmente a produtividade, oh sim! Razão acrescentada para ainda maior admiração lhes ser dedicada.

Mas continuo na minha: visualmente, podia ser um post bem melhor. Ok, jogaste pelo seguro, só texto. Nevertheless...

menina alice said...

Mas como? Com uma foto da gata mais linda da Área Metropolitana de Lisboa?

Célia Sónia said...

Quem te viu e quem te vê!

ícone indie said...

lembro-me bem dessa historieta, está quase logo no início do livro. li-a várias vezes, em particular esse finalzinho ("they're too delightful"), e nunca me cansava de tentar imaginar o esforço cósmico que teria sido para o zuckermann largar a criatura peluda bébé. por alguma razão, já vou em dois, e cheia de vontade de aumentar a "prole".

João Lisboa said...

"Mas como? Com uma foto da gata mais linda da Área Metropolitana de Lisboa?"

... err... também.

ícone indie said...

concurso de gatas mais lindas da área metropolitana de lisboa já!!!! de gatos (assim mesmo, no masculino) não vale a pena. sabem bem quem ganharia.

menina alice said...

"Quem te viu e quem te vê!"

Eu e o Roth temos uma ou duas diferenças, sim, Célita... :D

"por alguma razão, já vou em dois, e cheia de vontade de aumentar a "prole""

Não fosse eu já ter bear-cat-sitter para a próxima semana e podias ir treinando com Dona Noémia, meu ícone.

Estão vocês ambos a desafiar-me?... Para um combate online Ms. Gueixa / Ms. Noémia?... >:>

ícone indie said...

por exemploS. embora haja mais uma (ms. mathilde) que também pode dar um bailinho nestas coisas dos concursos. para além de ter a juventude a seu favor (ainda nem fez doijaninhos), há outras qualidades que a pequena lolita gosta bem de exibir: o seu tamanho (é bastante portátil), a elegância do porte, uns olhos verdes faíscantes, um casaco branco com apenas uma discreta manchinha tartaruga que a distingue das demais... enfim, podia continuar horas e horas, mas não te quero deixar desanimada.

João Lisboa said...

" Para um combate online Ms. Gueixa / Ms. Noémia?..."

Mrs. Gueixa, se não te importares.
Humpf!...

ícone indie said...

quer dizer, a avaliar pela quantidade de vezes que a gueixa vê o marido (a propósito, e porque nunca é demais referir, um garboso gato branco de olharapo azul como não há outro igual no mundo), mais vale ela recuperar a sua condição de miss.