January 25, 2009

divisor e dividendo

A minha infância - vá, sejamos sinceros, parte da minha adolescência também -, passou-se em angústias por causa das contas de dividir com dois ou mais algarismos no divisor e - pavor limite - com vírgulas. Ao Calé, meu venerando explicador das matemáticas, imaginava-o a disfarçar desalentos e frustrações para não me desmotivar. Passados alguns anos comecei a crer que o pior tinha passado e que a vida com as máquinas de calcular era a vida real. Parte de mim ponderou receios aquando da maternidade, mas, a crença no princípio supremo da divisão de tarefas, fez-me deitar para trás das costas a ansiedade. A outra parte de mim - a que intui e se move em presciências e outros esoterismos - sabia que um dia, sem ajudas nenhumas, o puto havia de perguntar e eu havia de ter de me desenrascar. Foi hoje e afinal, a coisa fez-se. Pelo menos com dois algarismos, está controlado. Venham as vírgulas, agora.

11 comments:

aNa said...

estou em crer que até podem vir as reticências que o desempenho será o mesmo: bom! ;)
bom início de semana.

Jonas said...

Mas assusta tanto, aquele momento em que somos confrontadas com a coisa e pensamos "ó pá, caraças, eu não gostava nada desta porcaria, e agora tenho de fingir que adorava. Será que ainda me lembro como é que se faz isto?"

O meu anda no 5º ano e acontece tantas vezes......

Aguardo os próximos anos com algum grau de ansiedade :)

dolphin.s said...

oh boy! :DDDD

I feel for you eheheheheh

no outro dia uma mãe esteve a (re)explicar-me a prova dos nove que teve que reaprender :DDD

F said...

Pois, pois. Também me aconteceu o mesmo. E agora que a coisa se complicou, a pasta foi passada ao pai. É que a criança é como a mãe era: odeia a matemática e já bloqueou.

Fabulosa said...

vais ver, ainda descobres (como uma amiga minha) que a maternidade te despertou um certo dom para os números! ;)

Nick said...

As vírgulas não têm sapiência nenhuma. Apenas obedecem a duas regrinhas muito bem definidas. Deve-se subtrair as casas décimais do dividendo ao divisor e se o dividendo tiver menos casas que o divisor, devem-se adicionar casas décimais com zeros ao dividendo até igualar as casas décimais do divisor.

P.E.:
235,2 : 23,35 =
235,20 : 23,35

Neste caso já posso subtrair as casas do dividento ao divisor, que dá zero casas decimais.

Fazendo as respectivas continhas dá:

10 com resto 1,70

Ah, esqueci-me de dizer que no resto se deve aplicar as mesmas casas décimais do dividendo.

My five accents... :)


Math is soooo beautiful...

Nick said...

E para saberes se a conta está bem feitinha, multiplicas o quociente (10) pelo divisor (23,35) e somas o resto (1,70). O resultado tem de ser igual ao dividendo.

Math is so bla, bla, bla...

:)

Scarlata said...

Nick... Crl... so tu!!!!

Solidariedade ali ;D

Miguel Barroso said...

Ahaha. Gostei.



Abraços d´ASSIMETRIA DO PERFEITO

Mr. Steed said...

o Nick é um sabichão!

maria m. said...

Como te entendo, menina-alice!