July 09, 2007

Colgate smile

Nesta notícia sobre a apreensão de milhares de tubos de Colgate falsificados, há dois elementos estruturantes que me intrigam à séria:

1 - Como e, sobretudo, porque se lembra alguém de falsificar pasta-de-dentes?

2 - Como é que a ASAE descobre que existem pastas-de-dentes falsificadas?

12 comments:

Scarlata said...

Essa cena é so' ai em Portugal?
Nao costumo comprar colgate, mas às vezes pode calhar.

maria m. said...

eu às vezes compro...

quer dizer que a minha higiene dentária pode ser uma falsa higiene dentária?!

que quando digo para mim mesma «pronto, já lavei os dentes», posso estar a ser terrivelmente falsa para comigo mesma?!

que o mundo está cheio de ilusões e... e... oh god!

menina-alice said...

Não sei se chegou aí, Scar, mas em Espanha apanharam 11.214 tubos (só pra teres um ideia). Ora espreita aqui.

João said...

Se est� com medo de usar Colgat, use a l�ngua chiara.
bjs.J.S.

menina-alice said...

Não sei o que te faça, maria, mas a verdade é só uma: já nem os dentes podemos lavar em sossego.

(tinha-me esquecido de te responder no outro comment - em conjunto com a Scarlata - tal não foi a excitação de lá pôr um link a bombar largo)

menina-alice said...

Ui! Assinaturano Blogger, JS?... Estamos a preparar uma entrada fulgurante na blogosfera?

dolphin.s said...

pelo que percebi só apanharam daquelas em lojas dos 300 e bazares na mesma onda.

sem rótulos em PT

eu uso sensodyne (dine? :S) :PPPPP


(aparte - o fernando negrão volta e meia faz-me virar a cabeça pq a voz me faz lembrar o Júlio Isidro :S)

dolphin.s said...

pá... o carmona agora tb me pareceu o Júlio Isidro :OOOOOOOOO

I'm having a breakdown!!!

Scarlata said...

Obrigada, vou avisar aqui o ppl do ramo.

Nao consegui perceber o que o joao escreveu, aparecem uns simbolos no lugar das letras...:§

menina-alice said...

Larga as televisões, d.!

O João é rapaz de muita encriptação, tens de ser muito observadora. :D

Scarlata said...

Encriptação? Zeus me livre!

dolphin.s said...

é mais forte do que eu... vê-los ali todos e tão aconchegadinhos. tinha que ver no que dava aquilo.