November 18, 2007

releitura

Ou então calem-no. Tirem-lhe o benefício da palavra. Entediem-no de morte a ponto de ele ter de desistir. Que raio de coisa nos mantém num filme que já só nos faz sofrer?

4 comments:

JB said...

Hábito, como é óbvio. O hábito vicia e é melhor ter algo que nos faz sofrer que nada. A humanidade é simples deperceber, estou sempre a dizer-te. Difícil é vivê-la*.

*Peço desculpa por este momento Dr Phill.

menina-alice said...

Bem verdade. Não será pelo conforto apenas. Ou pelo medo de arriscar. E saber reconhecer a nossa última badalada num baile é um privilégio, não uma característica que todos gente possamos escolher ter.

João Lisboa said...

"todos gente" é muito africanamente fixe. Não corrijas.

menina-alice said...

:D:D:D:D:D

Eu não saberia corrigir. Tinha de apagar e fazer de novo. Fica africano. :D