January 03, 2010

da banda


Quando o mundo de dentro de nós fica maior, o de fora fica mais apertado nos primeiros tempos. É muito difícil explicar o que nos faz África sem cair em clichés aborrecidos. Vou, por isso, e porque ainda é tão estranho regressar, reservar-me esse silêncio.

5 comments:

margarete said...

«Quando o mundo de dentro de nós fica maior, o de fora fica mais apertado»

faça-se silêncio

lisabel said...

Bem-vinda de volta : )

(Tenho umas chávenas iguais a essa que aí aparece!)

Anonymous said...

Neste fim de ano também passeei pelo mundo, pelo de dentro e pelo de fora... descobri que o mundo de fora sempre vai ficar mais apertado, e o silêncio toma os primeiros tempos.

camorgado

ícone indie said...

tenho à tua espera montes de beijos e abraços muito apertados. não resolve tudo, mas é bom pra diabo!

menina alice said...

Esta semana, infelizmente, a rentreé traz-me muito ocupada, mas espero cobrar esses beijos e esses abraços na próxima.

É isso, camorgado. E depois, quando passa a parte mais triste da saudade, começa a saudade boa.