September 21, 2007

shaking that ass


Parece que os fãs da Natalie Portman vão poder-lhe espreitar o rabiosque numa curta do Wes Anderson. Na notícia do El País, que remete para o MrSkin.com, um site que milita a nobre causa dos nús femininos no cinema, afirma-se que, os primeiros 8 minutos do filme são passados a despir a moça "hasta dejar una vista completa de su culo". O site do MrSkin não não é inspirador de grande confiança, mas não há como esperar para ver.


Porquê ir mais longe, quando se pode furtar a foto mesmo aqui ao lado?

9 comments:

lisabel said...

Essas coisas ditas / escritas em castelhano têm sempre outra graça :D

Mas eu só vim aqui lembrar que essa menina foi, até há bem pouco tempo, a señorita García Bernal... humpf!

Scarlata said...

"hasta dejar una vista completa de su culo" lolllllllllllllll

:DDD

martalx said...

ó m'na alice, a curta de que falas é a tal que antecedeu o novo filme do anderson (djarleeing limited) em veneza?

João Lisboa said...

"la actriz muestra su propio trasero" também é bom.

Nada como o castelhano para ajavardar até "o rabiosque" - não é logo mais lindo em português?... - da Natalie Portman.

menina-alice said...

Eu também adoro o castelhano e a Espanha e o Garcia Bernal também marchava.

Não sei qual é a curta, bebé, mas fui investigar e há várias peças que encaixam com o texto da notícia. Deve ser o Darjeeling Limited. Eu vi foi uma oportunidade de pôr aqui a foto de uma gaja gira que vai finalmente mostrar atribuições. :D Audiências e tal, tu sabes.

"Rabiosque" faz logo pensar em algo muito bem torneadinho e fit. Por isso escolhi rabiosque em vez de bujão.

martalx said...

rabiosque é fofinho, mas bujão (que, confesso, nunca tinha ouvido na minha já longa e balzaquiana vida) é muito niiiiiice!

martalx said...

não topo mesmo nada de chás e índia. escrevi darjeeling à la little black spot :D

menina-alice said...

E bujão, para ser plenamente eficaz deve ser pronunciado para cima: bujon.

menina limão said...

beijão no bujão é uma expressão muito minha.


(devia ter vergonha não é? i get it. mas eu só o digo às pessoas especiais)